admin

INSS abre as portas nos dias 14 e 15 de abril para o encaminhamento do pedido de seguro-defeso

A agência do INSS de Paranaguá irá abrir nos dias 14 e 15 de abril, sábado e domingo, para fazer a análise e o encaminhamento dos pedidos do seguro desemprego nos períodos de proibição de pesca, o seguro-defeso.

Essa ação serve para atender os pescadores do litoral, onde a mesma foi definida em um acordo entre as defensorias públicas da União e do Estado e a Gerência executiva da Previdência Social em Curitiba.

Por sua vez o INSS afirmou que a análise dos benefícios está protocolada desde o dia 23 de março.

Os pescadores do Paraná noticiaram as defensorias sobre a questão da dificuldade de requererem o seguro-defeso e a demora na análise de benefício: “As instituições buscaram meios de garantir o acesso de todos na Previdência Social.” Informou a defensoria da União. Por sua vez o INSS afirmou que a análise dos benefícios está protocolada desde o dia 23 de março.

Reforçando que, o INSS estará aberto no dia 14 de abril, sábado, das 08h às 16h e no dia 15, domingo, das 08h ao 12h (meio dia).

Compartilhar:

Santuário do Rocio promove o desenvolvimento sustentável

AS AÇÕES SOCIAIS CONTÍNUAS DESENVOLVIDAS NO SANTUÁRIO, SEGUEM AS DIRETRIZES DOS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL (ODS) DA ONU

Em 2015 a ONU (Organizações das Nações Unidas) desenvolveu uma agenda visando erradicar a pobreza em todas as suas formas e dimensões até o ano de 2030. Nesse sentido, desenvolveu 17 objetivos estratégicos para atingir esta meta. Acompanhando estas diretrizes, a Associação Pró Obras Sociais, entidade sem fins lucrativos, mantida no Santuário Estadual do Rocio, promove várias ações, que estão ligadas, inicialmente, a quatro destes objetivos:

ODS 2 – Fome Zero

ODS 4 –  Educação de Qualidade

ODS 10 – Redução das desigualdades e,

ODS 16 – Paz, Justiça e Instituições Eficazes

–  FOME ZERO

Ligado a este ODS, a pastoral social busca, cadastrar e atender famílias em vulnerabilidade social, oferecendo cestas básicas até conseguirem recuperar condições para seu sustento.

–  CURSOS PROFISSIONALIZANTES

Curso de Logística Portuária do Santuário do Rocio.

Na linha do ODS “Educação”, o Santuário oferece gratuitamente para desempregados e pessoas de baixa renda cursos profissionalizantes como Conferente de Contêineres, Logística Portuária, Introdução à informática, Programação, entre outros.

–  CLUBE DE MÃES

Oficina de artesanato do Clube de Mães.

No objetivo da ODS, redução das desigualdades, o Clube de Mães oferece vários cursos na como pintura, artesanato, crochês e outras atividades. As mulheres aprendem a produzir e a comercializar esse material. A receita da venda desses produtos é integralmente para elas.

–  FORMAÇÃO, DEBATES E PALESTRAS

Contemplando o objetivo 16, “Paz, Justiça e Instituições Eficazes”, o Santuário promove encontros de cidadania, direitos humanos, combate ao uso de drogas e várias atividades de conscientização e formação para a comunidade em geral.

O Santuário do Rocio não tem vínculo político partidário, atende pessoas de todos os credos, raças e classes sociais. Todos os serviços oferecidos são gratuitos e estão de acordo com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável: contribuir para formar uma sociedade justa e fraterna.

Oficina de artesanato do Clube de Mães.
Oficina de artesanato do Clube de Mães.
Oficina de artesanato do Clube de Mães.

Parron, C.Ss.R.

www.redentoristas.org.br

Reitor do Santuário Estadual de Nossa Senhora do Rosário do Rocio.

 

(fotos Pascom Santuário do Rocio).

 

Compartilhar:

Festa Disco Anos 80 será no Seleto nesta sexta-feira

Nesta sexta-feira, dia 6 de abril no Clube Atlético Seleto, teremos a festa disco anos 80, com o tema: Eu Era Feliz e Sabia. Portanto, recebemos a vista no nosso estúdio do vocalista da Banda Mitzrael Alex.

“São 18 anos na estrada e vamos fazer essa festa, o pessoal da banda já está bem animado.” Afirma o vocalista Alex.

A festa começará com a animação do Dj Thinker e depois prosseguirá com o show da Banda Mitzrael.

“O que mais marcou os anos 80 aqui no Brasil, foram as bandas: Paralamas, Legião Urbana, Lulu Santos. Vamos fazer uma mistura de todas as principais bandas, fazer com que a galera viaje no tempo.” Disse Alex e ainda afirma: “Fazemos isso porque amamos cantar.” Destaca.

Claudio Rodrigues, Alex vocalista da banda Mitzrael, Angélica organizadora do evento e Larry Cesar nos estúdios da rádio Difusora Mais FM.

Conversamos também com a Angélica que faz parte da organização dessa festa que será na próxima sexta-feira. “O primeiro lote do show custa 25 reais, o evento vai ser no salão social do Seleto e os ingressos são limitados. As mesas estão com desconto para aqueles que são sócios do clube e espero ver todos os sócios, compartilhando essa alegria com a gente. Os locais de vendas de ingressos é Olé e na Xfactor. No clube também estão sendo vendidos e por mais que a nossa secretaria feche as 18h30, aqueles que quiserem comprar o ingresso depois desse horário, é só falar com os nossos vigias, pois também deixamos ingressos à venda com o Everton ou com o Luiz, as vendas funcionam até à 00h (meia noite) no clube.” Destaca

Lembrando que as 100 primeiras pessoas que chegarem caracterizadas ganham o drink. Segundo a organizadora, o baile vermelho e preto foi um sucesso e agora o clube está mais bonito, mais estruturado e todos estão muito otimistas com a evolução do clube, vinda do empenho da equipe da gestão do Presidente Jamil Saif . Para mais informações é só ligar no telefone: (41) 3422-5733.

Compartilhar:

Surto de conjuntivite atinge Paranaguá

Chefe da 1ª Regional de Saúde de Paranaguá, Dra. Ilda Nagafuti;

Nossa equipe entrou em contato com a Chefe da 1ª Regional de Saúde, Dra. Ilda Nagafuti, onde segundo a doutora é comum nessa época do ano, ocorrer casos de conjuntivite e os cuidados devem permanecer mesmo após o desaparecimento da mesma. A doutora ainda explica que a população não deve se assustar, pois por mais que os números de casos aumentaram drasticamente neste feriado, é um período comum para esse tipo de ocorrência.

A Secretaria Municipal de Saúde e Prevenção (Semsap) divulgou na manhã desta segunda-feira (2) que durante o mês de março houve o registro de 13.404 atendimentos de pacientes com a doença no Pronto Atendimento – UPA. No último final de semana a procura foi intensa.

No domingo foram mais de 600 pessoas atendidas. No sábado já tinham sido 491 e na sexta-feira Santa outros 383. Como a procura de pacientes aumentou sobremaneira a Semsap teve que fazer remanejamento de médicos que atendem nas unidades básicas de saúde para dar plantão na UPA. Entretanto, a orientação é para que a procura ocorra somente em casos com maior gravidade.

Secretário Municipal de Saúde e Prevenção, Paulo Henrique de Oliveira.

“Estamos registrando um número elevadíssimo de pacientes procurando a UPA por conta da conjuntivite. É importante esclarecer que o serviço de saúde deve ser procurado em casos com maior gravidade, porque isso está gerando demora no atendimento na unidade”, explica o secretário municipal de Saúde e Prevenção, Paulo Henrique de Oliveira. No Pronto Atendimento não há fornecimento de atestado médico, mas somente declaração de comparecimento.

O médico José Antonio Ferreira Martins, responsável clínico da Semsap, explica que a conjuntivite é uma doença que se caracteriza pela inflamação da conjuntiva, causada por agentes tóxicos, alergias, bactérias ou vírus. “É uma doença sazonal, que ocorre sempre nesta época do ano. A conjuntiva é a membrana transparente que recobre o globo ocular e a parte interna da pálpebra. A conjuntivite viral é altamente contagiosa, e apesar de não ser grave provoca incômodo e alguns cuidados devem ser tomados”, explica.

A doença normalmente compromete os dois olhos e o contágio é feito pelo contato direto da pessoa doente com objetos contaminados. Isso ocorre com maior facilidade em ambientes fechados como escolas, creches e ônibus. Os sintomas se apresentam com olho vermelho e lacrimejante, inchaço nas pálpebras, intolerância à luz e visão embaçada. “Ao sinal dos primeiros sintomas é importante iniciar a separação dos objetos, para evitar o contato e assim disseminar a doença para a família inteira”, orienta o médico José Antonio.

Sinais e sintomas.

Com o tratamento adequado a doença desaparece entre 5 e 7 dias. Não existe tratamento específico para conjuntivite viral. Para diminuir o desconforto é importante utilizar soro fisiológico gelado e compressa nas pálpebras, ou ainda usar colírios lubrificantes. Outras medidas ajudam a evitar a propagação da doença, como lavar as mãos com frequência e não a colocar nos olhos e coçá-los. É importante não compartilhar lençóis, toalhas, travesseiros e outros objetos de uso pessoal, além de evitar piscinas. Não usar também maquiagem de outras pessoas e toalhas de rosto.

 

Fonte: Prefeitura Municipal de Paranaguá.

Compartilhar:

Bitcoin possui 1 milhão de adeptos no Brasil

Bitcoin já virou febre no Brasil e com essa popularização da mais nova moeda virtual, é possível que o mercado financeiro nacional alavanque e com isso, faz com que o país acompanhe as novidades no setor a nível global.

Mas, por outro lado, esse tipo de serviço cria um grande desafio para as autoridades que atuam no combate à corrupção. A complexidade dos sistemas utilizados para produzir moedas virtuais, e a proteção, utilizada para garantir a isonomia das transações, pode servir como uma ferramenta perfeita para quem pretende lavar dinheiro ou esconder o verdadeiro patrimônio dos órgãos públicos.

A complexidade dos sistemas utilizados para produzir moedas virtuais, e a proteção, utilizada para garantir a isonomia das transações, pode servir como uma ferramenta perfeita para quem pretende lavar dinheiro ou esconder o verdadeiro patrimônio dos órgãos públicos.

O especialista alerta que até mesmo grupos terroristas utilizam o sistema para receber recursos.

Ainda no começo deste mês, a Receita Federal fez a apreensão de criminosos que estavam conseguindo usar do bitcoin de forma ilícita, onde nesta ação conseguiram exportar 300 mil para o exterior, uma vez que o destino para onde é encaminhado o valor não é rastreável pelo sistema de sigilo que envolve a moeda.

O advogado Ricardo Nicolette, especializado em moedas digitais, direito das coisas e da tecnologia da informação, destaca que o anonimato dos usuários é um facilitador para o uso do meio virtual para fraudes.

“As possibilidades com o bitcoin são praticamente infinitas. De fato, o sistema é extremamente complexo e seu rastreamento ainda é bem complicado de se efetivar. Na maioria dos casos, não é necessária qualquer identificação ou cadastro dos usuários que aderem à rede”, afirma.

O especialista alerta que até mesmo grupos terroristas utilizam o sistema para receber recursos. “Já existem sérios indícios de que o grupo terrorista Isis, por exemplo, já efetivou transferências e recebeu doações. Em tese, tendo em vista o anonimato, a falta de órgão centralizador e a alta e complexa tecnologia, existe grande possibilidade para que a criptomoeda possa ser usada mais facilmente para lavagem de dinheiro e outros atos ilícitos”, completa.

 

Compartilhar:

50 Vagas são disponibilizadas na Agência de Emprego em Paranaguá

Secretaria Municipal de Trabalho, Comércio, Indústria e Assuntos Sindicais, junto ao Sistema Nacional de Emprego (Sine) e Agência do Trabalhador, está ofertando 50 vagas de emprego na cidade, atendendo às especificações exclusivamente realizadas pelas empresas do município para preenchimento dos postos de trabalho.

Brayan Roque, Secretário de Trabalho, Comércio, Indústria e Assuntos Sindicais.

“Estamos trabalhando para que o cidadão parnanguara tenha emprego e consequentemente a cidade cresça”, comentou Brayan Roque, Secretário de Trabalho, Comércio, Indústria e Assuntos Sindicais.

Os interessados nas vagas devem comparecer ao Sine munidos de RG, CPF, Carteira de Trabalho e Comprovante de Residência. O espaço fica localizado na rua Faria Sobrinho, nº. 799, no centro de Paranaguá. O telefone é o (41) 3422-3233.

 

As vagas que estão disponíveis são:

 

1 VG. Auxiliar de Cozinha (4451450/ 513505/ A)

EXP. 6 Meses em Carteira.

 

20 VGS. Auxiliar de Serviços Gerais (4451196/ 514320/ O)

Médio completo/ EXP. 3 Meses em Carteira/ Ter Disponibilidade de Horário.

 

1 VG. Motorista Entregador (4448934/ 782310/ A)

EXP. 3 Meses em Carteira/ CNH:C/ Dirigir Caminhão de Pequeno ou Grande Porte.

 

10 VGS. Técnico Mecãnico (4448032/ 314110/ O)

Médio completo / Com Curso de Mecânico Industrial ou Cursando/ EXP.

3 Meses em Carteira / Ter Dsponibilidade de Horário.

 

1 VG. Gerente de Negócios (4445837/ 142305/N)

Superior completo em adminstração ou ciências contábeis ou economia ou em gestão financeira/ CNH:B / EXP. 3 Meses em Carteira com Banco / Ter Veículo Próprio e Realizar Viagens/ TER CPA 10

 

1 VG. Operador de Retroescavadeira (4443051/ 715115/ O)

Fundamental completo/ CNH:D/ EXP. 3 Meses em Carteira.

 

1 VG. Mecânico de Automóveis (4438251/ 914405/ O)

EXP. 3 meses em carteira em freios suspensão e correia dentada.

 

1 VG. CONFEITEIRO (4430188/ 848310/ O)

Fundamental completo / EXP. 3 Meses em Carteira.

 

Vagas PCD (PESSOAS COM DEFICIÊNCIA FÍSICA)

 

1 VG. Auxiliar de limpeza (4449820/ 514320/0)

Fundamental incompleto.

 

1 VG. Inspetor de Alunos (4446187/334110/N)

Médio completo.

 

1 VG. Auxiliar de Serviços Gerais (4439360/ 514320/ O)

 

1 VG. Empacotador (4439915/ 784105/ N)

Médio completo.

 

1 VG. Operador de caixa. (4439931/ 421125/ N)

Médio completo.

 

1 VG. Repositor (4439990/ 521125/ N)

Médio completo.

 

1 VG. Auxiliar de escritório (4430524/ 411005/ N)

Médio completo.

 

1 VG. Auxiliar administrativo (4429706/ 411005/ N)

Médio completo.

 

1 VG. Auxiliar de serviços gerais (4429422/ 514320/ N)

Fundamental incompleto.

 

1 VG. Auxiliar administrativo (4429258/ 411005/ N)

Médio completo.

 

1 VG. Auxiliar de serviços gerais (4429258/ 514320/ N)

Fundamental incompleto.

 

1 VG. Balanceiro (4436000/ 414115/ N)

Médio completo.

 

1 VG. Operador de Máquinas e Equipamentos I (4436087/ 862150/ N)

Médio incompleto.

 

1 VG. Estoquista de Loja (4414873/ 414125/ N)

Médio completo ou cursando.

Compartilhar:

Mulheres representam 50% na produção de artigos científicos

Nesta última semana, estava circulando pelas redes sociais o relatório Gender in the Global Research Landscape, onde mostra-nos o Brasil como um dos exemplos em promover a igualdade entre homens e mulheres no ambiente acadêmico. Esses dados foram coletados de 1995 a 2015.

Gender in the Global Research Landscape.

Dentro desses 20 anos de estudos, os pesquisadores notaram que as mulheres brasileiras passaram a assinar a mesma proporção de artigos científicos que os homens, ou seja 50% dos homens e 50% das mulheres, um crescimento bem considerável, uma vez que em 1996 apenas 38% dos artigos eram escritos por mulheres.

Em outros países de referência, como EUA e Reino Unido, a participação de autoras femininas fica em cerca de 40%, segundo os dados entre 2011 e 2015. Por último, vinha o Japão, onde elas assinam só 20% dos papers (pequeno artigo científico).

Os níveis de participação do Brasil foram os mais altos do relatório, empatando com Portugal: em ambos os países, 49% dos artigos vinham das mãos de uma cientista mulher. Levando em consideração o tamanho das populações, o número absoluto de artigos publicados por mulheres brasileiras nessas duas décadas é massivamente superior ao de papers lançados no país europeu.

Os níveis de participação do Brasil foram os mais altos do relatório, empatando com Portugal.

Com tudo, aumentou o número de inventoras brasileiras: elas registram 17% das patentes criadas desde 2000. O índice é novamente mais igualitário que nos Estados Unidos, onde 86% dos inventores são homens. A parte ruim é que ainda as mulheres permanecem sendo menos citadas do que os homens. Trata-se do chamado de leaking pipe (basicamente, “um cano que vaza”): no início do ensino superior, as mulheres estão presentes na mesma quantidade e até são maioria entre os pesquisadores (principalmente nas áreas de humanas e biológicas).

A participação delas diminui no mestrado e cai ainda mais no doutorado. O resultado é que os índices são muito diferentes (e bem menos otimistas) para posições sêniores da academia, onde os homens chegam a dominar 87% dos cargos.

 

Compartilhar:

Doações garantem descontos no Imposto de Renda

A Receita Federal promete, para os próximos dias, a divulgação do programa da declaração do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física (IRPF) 2018. “A gente sempre tem que aperfeiçoar e adaptar o programa às demandas dos contribuintes e às do Fisco”, explicou o supervisor nacional do Imposto de Renda da Receita Federal, Joaquim Adir.

Enquanto isso, o contribuinte pode se preparar, reunindo a papelada, vendo se consegue prestar contas ao Leão sozinho ou se vai precisar de ajuda especializada. Se achar que consegue fazer sozinho a declaração de IR, mas tiver alguma dúvida, o leitor pode encaminhar o questionamento ao Correio, pelo e-mail ir.df@dabr.com.br, e aguardar a publicação da resposta, que será dada pelos associados do Conselho Federal de Contabilidade (CFC).

Uma dica dos contadores para pagar menos ou receber mais de devolução fazendo o bem é a possibilidade de deduzir no ajuste anual do Imposto de Renda doações feitas a instituições e projetos cadastrados na Receita Federal. Na lista do Fisco, as doações a fundos de apoio a crianças e adolescentes podem ser feitas até o fim do prazo de entrega da declaração de renda, que neste ano deve iniciar em 1º de março e ir até 30 de abril. O abatimento chega a 3% do imposto a pagar ou a restituir.

O programa da Receita Federal aponta as opções, com links diretos para mais informações sobre cada um, CNPJ e dados bancários. Basta acessar a ficha “Resumo da Declaração”, selecionar a opção “Doações Diretamente na Declaração”. O próximo passo é escolher o tipo de fundo, municipal, estadual ou federal, localizando a unidade federativa.

Em Brasília, por exemplo, podem ser beneficiados com doações fiscais projetos como o Bombeiro Mirim, a Orquestra Plena Harmonia, a Casa de Ismael, entre outras instituições.

A última etapa é imprimir o boleto para pagamento, no documento de arrecadação (Darf — Doações Diretamente na Declaração — ECA). O pagamento da doação não está sujeito a parcelamento.

Em Brasília, por exemplo, podem ser beneficiados com doações fiscais projetos como o Bombeiro Mirim, a Orquestra Plena Harmonia, a Casa de Ismael, a Casa Azul, entre outros incentivados pela Secretaria de Políticas para Crianças, Adolescentes e Juventude.

A especialista lembra ainda que há outras doações que podem ser feitas durante o ano-calendário, com abatimento de até 8% do IR. São as direcionadas a fundos de apoio a idosos, projetos culturais, desportivos, atividades audiovisuais, ações de combate ao câncer e apoio a deficientes, além dos fundos para crianças e adolescentes. Com abatimento de 1% do IR, para a contribuição direcionada a cada área. Se fizer essa opção este ano, o contribuinte terá direito ao desconto na declaração do IR em 2019.

A especialista lembra ainda que há outras doações que podem ser feitas durante o ano-calendário, com abatimento de até 8% do IR.

Em novembro do ano passado, a Receita Federal divulgou circular (IN 1.756) alterando e atualizando algumas das normas do IRPF. Entre elas, estava a limitação até 2017 do uso do benefício fiscal concedido a quem fez investimentos e patrocínios a produções de obras audiovisuais cinematográficas aprovadas pela Ancine e na aquisição de cotas dos Fundos de Financiamento da Indústria Cinematográfica Nacional (Funcine).

Dados da Receita Federal apontam que não são muito significativas as deduções fiscais relativas a contribuições a projetos audiovisuais. A arrecadação total com o IRPF em todo 2017 atingiu a cifra de R$ 32,7 bilhões. A renúncia fiscal com doações a projetos audiovisuais somou R$ 1,01 milhão, ou seja, 0,003% do total arrecadado.

Compartilhar:

Unespar ofertará curso de Direito já no próximo semestre

A Universidade Estadual do Paraná (Unespar) vai criar o curso de Direito, que será ofertado no campus de Paranavaí (Noroeste), com 40 vagas, já para o próximo vestibular, no período diurno. O decreto de autorização foi assinado pelo governador Beto Richa, que esteve em Paranavaí nesta quarta-feira (28).

A Universidade Estadual do Paraná (Unespar) vai criar o curso de Direito, que será ofertado no campus de Paranavaí.

Richa lembrou que o anúncio do novo curso era muito aguardado pela comunidade de Paranavaí e região. “Há algumas décadas a população da região aguarda a abertura do curso de Direito, público e gratuito. Estamos atendendo a esse anseio”, afirmou Richa, lembrando que o câmpus de Paranavaí abrange 61 municípios do Noroeste.

“É importante lembrar que escolhemos Paranavaí para ser sede da Unespar, justamente para contribuir com desenvolvimento dessa região”, disse o governador. “Em 2013, graças aos esforços do Governo do Estado, as sete faculdades independentes passaram a integrar a Unespar, que está presente em seis cidades, de diferentes regiões do Estado. E agora temos mais esta importante medida, que é a criação do curso de Direito”.

Prefeito de Paranavaí, Carlos Henrique Rossato Gomes.

Para o prefeito de Paranavaí, Carlos Henrique Rossato Gomes, o novo curso vai atrair estudantes não só de municípios vizinhos, mas também de outros estados, como o Mato Grosso do Sul.

“Isso vai fomentar a nossa economia e o mercado imobiliário, gerando riquezas para Paranavaí e para a região Noroeste”, disse.

A previsão é que a primeira turma inicie o ano letivo já no segundo semestre deste ano.

Diretor da Unespar Paranavaí, Edmar Bonfim de Oliveira.

“É um sonho antigo da instituição se concretizando. A população da região vai ter agora um curso de Direito em uma universidade pública, gratuita e de qualidade”, afirmou o diretor da Unespar Paranavaí, Edmar Bonfim de Oliveira.

Participaram da solenidade o presidente da Santa Casa de Paranavaí, Renato Guimarães; o diretor da OAB da Paranavaí, Anderson dos Santos; o presidente Câmara Municipal de Paranavaí, vereador José Galvão; o deputado estadual Tião Medeiros, prefeitos e vereadores da região.

A Universidade Estadual do Paraná (Unespar) vai criar o curso de Direito, que será ofertado no campus de Paranavaí (Noroeste), com 40 vagas, já para o próximo vestibular.

 

Fonte: AEN – Agência de Notícias do Paraná

Compartilhar:

Romeiros chegam ao Santuário do Rocio após caminhar 80 Km

Um grupo de aproximadamente 60 romeiros chegou ontem à tarde no Santuário Estadual do Rocio em Paranaguá. Eles vieram de diversas comunidades da área rural de São José dos Pinhais e fizendo uma caminhada de 80 km com a imagem peregrina de Nossa Senhora do Rocio.

Um grupo de aproximadamente 60 romeiros chegou ontem à tarde no Santuário Estadual do Rocio em Paranaguá.

Organizada há 22 anos, a romaria da Paróquia São Pedro começou com seis pessoas. Atualmente reúne quase 100 peregrinos das comunidades de Cachoeira, Monte Claro, Contenda, Braga, Barro Preto, Malhada e outras na área rural de São José dos Pinhais.

Muitos vêm para pagar promessas, como Diego Pedroso, filho de um dos pioneiros desta romaria, João Pedroso. Ele conta que cresceu vendo seu pai saindo na quarta-feira santa para descer até o Santuário, “quando menino recebi um diagnóstico de amputação da perna, mas não foi necessário, por isso para agradecer prometi a Nossa Senhora do Rocio estar aqui todos os anos”.

Rosalina Cetnarski., veio pela primeira vez aos 8 anos, quando morava com as religiosas no Colégio São José. Já Januário Ternoski, natural de Prudentópolis, ministro da eucaristia em Cachoeira, fez o percurso  pela primeira vez. “Eu tive um problema no nervo ciático, com orações e tratamento estou curado e consegui fazer toda a caminhada, tendo apenas algumas bolhas nos pés”, alegra-se ele.

Alguns fazem partes do trajeto, outros o trajeto completo, sempre acompanhados por uma equipe de apoio com carro, água, alimentos e primeiros socorros. Na chegada, nesta quinta-feira, uma equipe de voluntárias do Santuário do Rocio, fez o acolhimento preparando um “lava-pés”, um atendimento para os ferimentos da caminhada e um lanche para os romeiros.

Equipe do Santuário realizando o lava-pés nos romeiros.

À noite, eles entraram na igreja com a imagem peregrina de NSra do Rocio, sendo acolhidos pelos Missionários Redentoristas Padre Joaquim Parron e Irmão Jorge Tarachuque. Na sexta-feira, após o café da manhã, oferecido também pela equipe de voluntários, eles rezaram a Via Sacra e retornaram para suas casas.

Romeiras Andreia e Andressa (mãe e filha).
Casal de Romeiros Ariana e Alessandrer da Costa

 

Compartilhar: