Pe. Dirson Gonçalves toma posse do Santuário do Rocio neste domingo

SANTUÁRIO

Larry Cesar, Pe. Dirson Gonçalves novo Reitor do Santuário de Nossa Senhora do Rocio e Claudio Rodrigues / Foto: Rádio Difusora Mais FM 104.7

Com um trabalho maravilhoso que apresentou no Santuário de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Padroeira do estado do Mato Grosso do Sul onde chamou milhares de fiéis para a igreja e tornou grande a devoção a Nossa Senhora, o convidado que recebemos hoje no programa Bom Dia Difusora, realizou, também, um projeto junto à comunidade em vulnerabilidade social em Campo Grande e vem ajudando a milhares de pessoas; sempre trabalhando com muito carisma, fé e doação ao próximo. Estamos falando do Pe. Dirson Golçalves, que tomará posse, na missa das 19h deste próximo domingo 3 de fevereiro, do seu mais novo projeto como Reitor do Santuário Estadual de Nossa Senhora do Rocio.

O Santuário da Padroeira do Estado do Paraná é um Santuário Mariano em honra a Virgem Maria que apareceu nas águas do bairro do Rocio pelas redes de um pescador que por este motivo recebeu o nome de Nossa Senhora do Rocio. Um Santuário que recebe peregrinações de todo o estado paranaense todos os meses e é sinônimo de fé, bênçãos e graças; o dia e o mês dedicado a Nossa Senhora do Rocio é 15 de novembro e neste mesmo dia acontece a Procissão dos Milagres. Féis de toda parte do estado e até mesmo de outros lugares do Brasil, vem a Paranaguá para agradecer a graça recebida e até mesmo cumprir penitências durante o trajeto da procissão e Pe. Dirson nos contará da sua expectativa em assumir o Santuário e de como realizará seus projetos iniciais.

“Acompanhei a festa e achei impressionante aquela multidão de fiéis na procissão e pode-se dizer que é uma das maiores procissões do Brasil e merece grande destaque.” Afirmou Pe. Dirson Gonçalves.

Conheça um pouco mais o Pe. Dirson Gonçalves, novo Reitor do Santuário de Nossa Senhora do Rocio

Missão em Mato Grosso do Sul

Um trabalho muito intenso foi feito pelo Missionário Redentorista em Campo Grande, capital do estado do Mato Grosso do Sul no Santuário de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

“Quando eu cheguei no local, a Igreja possuía seu dia de novenas, mas eu penso que precisamos de uma estrutura para acolher as pessoas, para os fiéis terem onde ficar, um lugar para comer então investimos em obras. Construímos um centro de apoio, um grande lugar com uma secretaria bem equipada, loja de artigos religiosos, lanchonete entre outras coisas.” Enfatizou o Padre.

O Redentorista ainda destacou a possibilidade de horários que fizessem com que todos os fiéis fossem para a Igreja e portanto decidiu iniciar a novena também no horário de 23h (noite) e muita gente do próprio Santuário, achou que os fiéis não participariam naquele horário e no fim, hoje é a novena com maior volume de pessoas e inclusive o número dos estudantes universitários que saem da sua faculdade e vão para a novena é bem grande.

Trabalho em equipe

“Nós como gestores devemos trabalhar bem com a equipe de base, ter bons profissionais ligados a você, uma boa equipe de funcionários e colaboradores para que tudo funcione corretamente. Outra parte importante é aceitar aqueles que querem ser voluntários, seja na equipe de canto, organização de peregrinações, romarias, filmagem e ai você agregando valor a essas pessoas dispostas em trabalhar pelo bem da comunidade.” Salientou Pe. Dirson.

O Missionário disse que é necessário fazer os fiéis entenderem que eles tem que vir ao Santuário pelo local de devoção que representa e não pelo padre. O devoto deve ir a sua Igreja por se sentir bem naquele lugar Sagrado e é isso que deve ficar no coração das pessoas, independentemente de quem estiver a frente.

“Paranaguá tem um grande tesouro, é um estado imenso, com quase 400 municípios e a sede espiritual é aqui na cidade. Queremos ser um Santuário local que venham peregrinações somente em novembro no mês da festa? Ou queremos ser o Santuário Estadual como já diz o próprio nome? Então temos que chamar os fiéis para que todos os meses recebamos pessoas de todas as partes do estado.” Ressaltou o Missionário Redentorista.

Com discurso de união entre Igreja, empresas e devoto, o Pe. Dirson destaca a importância da união na cidade Mãe do Estado do Paraná, para que assim todos façamos nossos papeis de maneira eficiente e consigamos progredir em conjunto.

Novo Reitor do Santuário do Rocio toma posse neste domingo, dia 3 de fevereiro / Foto: reprodução

Rocio: Lugar Sagrados Paranaenses

O novo Reitor do Santuário destaca ainda a importância do Santuário do Rocio ser o lugar de refúgio para o povo paranaense:

“O devoto ao pensar: ‘onde buscaria proteção, refúgio no meu estado?’ o que deve vir no pensamento do mesmo é: ‘na casa da minha mãe da minha padroeira’ e existe esse local que é o Santuário do Rocio. Lá no Mato Grosso, há um ano foi criada a lei para fazer do Santuário de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro um Santuário estadual, então os trabalhos lá estão só no começo dessa atividade de se trabalhar essa dimensão. Já aqui não, o que falta é ressuscitar isso no coração das pessoas, só falta este sopro para despertar o devoto.” Enfatizou.

O Santuário de Nossa Senhora do Rocio é um dos poucos Santuários presentes no mundo inteiro que é reconhecido pelo Vaticano, em sua grande maioria, os Santuários são reconhecidos por autoridades locais. Por esta razão, o Missionário Redentorista retratou sobre a tamanha importância e preciosidade que o Estado do Paraná tem em suas mãos.

Prefeito Marcelo Roque recebe Padre Parron e novo reitor do Santuário do Rocio

Comunicação

Com uma visão alternativa, ou seja, fazer adaptações para que as pessoas que trabalham e estudam possam participar das missas e novenas, o Padre Dirson resgata fiéis e arrasta multidões por sua tamanha fé e força de vontade em trabalhar a serviço de Deus e da Igreja. Muito presente nas mídias sociais, o Missionário busca evangelizar a todos em diferentes veículos de comunicação, sejam eles rádio, instagram, facebook e muito mais:

“Hoje em dia para você chegar de maneira independentemente até as pessoas é usando as mídias sociais como facebook, instagram,. É algo prático, você postou algo agora e logo em seguida muitas pessoas já estão sabendo; não sou profissional, vou fazendo aquilo que sei e acredito que a Igreja deve seguir por este caminho como forma de evangelização.” Disse.

Larry Cesar e Pe. Dirson Gonçalves / Foto: Rádio Difusora Mais FM 104.7

Projetos

Ao se deparar com os trabalhos realizados pelo Pe. Parron no Santuário, o novo reitor afirma estar assumindo seu compromisso com mais tranquilidade:

“Quando soube de todo o trabalho realizado pelo Pe. Parron, me deu aquela tranquilidade de assumir o Santuário, pois fez um trabalho fantástico de levantar a Igreja em termos econômicos, em conhecimento, em termos de pessoas participando. Ontem quando fui celebrar as duas missas do Santíssimo ele estava presente e achei impressionante a quantidade de pessoas que tinham no Santuário; tinha pessoas que estavam do lado de fora da Igreja porque dentro não havia mais espaço então ele deixou tudo pronto.” Destacou Pe. Dirson, e ainda brincou: “Pe. Parron chegou e chutou a bola no gol.”

Uma reunião com as lideranças do Santuário já foi realizada, uma Igreja que conta com várias pastorais, vários movimentos e de acordo com o Missionário, todos estão muito empolgados para continuar o trabalho: “Vamos trabalhar juntos e continuar a levar a Igreja para frente e a gente vem para somar e me inspiro muito no Pe. Parron, pois ele me conhece desde antes de eu ser padre, tanto que ele foi meu padrinho de ordenação.” Destacou.

Uma reunião foi marcada na cidade de Toledo, com todos os Bispos do Paraná para que o Pe. Dirson possa conhecê-los e os mesmo conhecerem ao Padre e assim será oficializado a coordenação do Santuário do Rocio e os Bispos abraçando a causa para que o novo Reitor possa colocar me práticas os seus projetos, pois com Bispo pondo-se a disposição, ele trabalhará com seus padres e os padres com os fiéis.

Secretária Municipal de Saúde Ligia Regina de Campos Cordeiro faz alerta para vacinação contra a Febre Amarela

“Aqui em Paranaguá já conversei com Dom Edmar, um Bispo muito receptivo e ele apoiou os projetos que gostaríamos de fazer e devemos estar sempre em sintonia e agradeço a ele pela grande acolhida.” Ressaltou Pe. Dirson Gonçalves.

No final da nossa entrevista o Padre destacou a importância da saúde espiritual:

“As pessoas falavam que ao chegar a tecnologia, a Igreja e o lado espiritual seria esquecido porque a mesma iria suprir as necessidades humanas e veja só que ironia, estamos no momento da história onde mais se precisamos da espiritualidade. O povo sofre porque todo esse avanço não trouxe consolo espiritual para as almas; as pessoas estão aflitas, tristes e desanimadas, nunca houve tantos casos de depressão no mundo como agora, tantos casos de suicídio. Lá em Campo Grande trabalhamos muito isso, fizemos um série de novenas para acabar com a depressão e era o momento que o Santuário mais lotava e por quê isso? Porquê as pessoas estavam necessitavas de ter sentido na vida e é ai que entra a Igreja com a sua proposta de renovação espiritual, de se sentir amada, de ter um rumo na vida, rumo este que parte do coração e da alma das pessoas. A Igreja é um lugar de acolhimento do ser humano independentemente de qual religião ele seja e o que o mesmo tenha feito na sua vida.” Relatou o Padre.

+ Soluções caseiras de repelentes evitam picadas de mosquitos?

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *