Ranking sobre prestigio do professor: Brasil fica em último lugar

BRASIL

Na China, os professores receberam uma valorização parecida com a dos médicos, enquanto no Brasil foram comparados a bibliotecários.

Foto: reprodução internet. / Difusora Mais FM 104.7

Uma análise feita e divulgada pelo Índice Global de Status de Professores (GTSI), verificou que em um ranking de 35 países, quanto a valorização do professor, acerca do desempenho dos alunos, mostra o Brasil em último lugar.

Isso mesmo! Em último lugar; isso é chocante, e infelizmente meio que esperado pela maioria dos brasileiros e profissionais da educação. Em nosso país, apenas 20% dos pais encorajariam filhos a seguir nesta profissão.

O estudo foi divulgado nesta quinta-feira (08/11) e tem uma equipe, liderada pelo pesquisador Peter Dolton, que comparou os resultados de uma amostragem menor de 2013, de 21 países, assim como os níveis atuais de remuneração e as horas em que os professores afirmam realmente trabalhar e a carga horária estimada pela opinião pública.

Segundo o site Terra, nos 35 países avaliados, os professores ficaram, em média, em sétimo lugar em termos de status entre 14 profissões mencionadas, com os entrevistados equiparando o prestígio dos docentes ao dos assistentes sociais. Na China, os professores receberam uma valorização parecida com a dos médicos, enquanto no Brasil foram comparados a bibliotecários.

“Há uma relação clara e sutil entre o respeito pela ocupação de ensino e as percepções de remuneração que as pessoas têm em relação às profissões listadas”, afirmou o relatório.

“O alto status do professor não é apenas algo bom para se ter – é cada vez mais provável que leve a melhores resultados dos alunos”, concluíram os autores do GTSI, que acrescentaram que a confiança nos sistemas de ensino nos países pesquisados cresceu desde 2013. “Os ministros devem levar o status do professor a sério e se esforçar para melhorá-lo.”

Compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *